Dell EMC Networking VEP1485 – Edge Computing

Olá pessoal, todos bem?

Consegui um Hardware da DELL para laboratório chamado VEP “Virtual Edge Platform” para rodar em meu HomeLab. E o resultado dos testes foi além do esperado. Gostaria de elencar abaixo alguns dos pontos que me fez adorar este Hardware, principalmente para fazer a função de Edge mas também como um excelente equipamento para ter em casa e executar laboratórios.

  • Baixo consumo de Energia (Monitorei a alimentação deste Hardware e o seu consumo é de 35 a 45W .
  • Tamanho reduzido, diferente de um servidor de Rack este Hardware tem o tamanho de um ThinClient.
  • Recurso de Hardaware bem interessante (16 Cores, 64GB RAM , 2 TB SSD, 6 Interfaces 1GB e 2 Interfaces 10GB SFP+)

Hoje em dia falamos muito da Jornada de migrar nossas aplicações para Nuvem, porém algumas aplicações ainda são sensíveis com questão de latência, podemos imaginar que boa parte das aplicações estejam rodando na Nuvem.

Vamos imaginar o seguinte cenário onde você precisa manter localmente serviços como um Controlador de Domínio ou algum servidor de aplicação que depende de latência baixa e com a adoção deste Hardware você pode deixar suas máquinas virtuais ou até mesmo containers rodando neste equipamento com uma réplica para Nuvem configurada.

Com a replica das máquinas deste equipamento para Nuvem no caso de um sinistro você até pode sofrer com latência, porém garante a continuidade da sua operação até realizar o FailBack.

O caso acima é um exemplo simples que pode ser implementando de várias formas, replicando com VMware fazendo uma nuvem estendida. Também é possível utilizar o VEEAM caso o Datacenter trabalhe com CloudConnect da VEEAM , você pode replicar essa máquina para dentro do seu tennant no VMware Cloud Director.

Abaixo gosto de mostrar um exemplo real e simples com VEEM , aonde o print é exatamente um ESXI rodando no VEP com várias maquinas virtuais como de VEEAM, PFsense, AD, DNS e WTS. Sendo muito parecido com senário de muitos clientes.

Foi criado no VEEAM uma réplica utilizando o CloudConnect e conforme a imagem abaixo minha VM de WTS já está replicada e aguardando ser iniciada na Cloud caso aconteça algum sinistro na borda. Isso é possível com o DR Planning  no Veeam.

Claro existe várias questões de remap de rede e roteamentos que precisam ser ajustadas para rodar na Nuvem, mas este não é o foco deste tópico.

Vamos Falar um puco sobre este equipamento?

You may also like

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *